terça-feira, 10 de março de 2009

VI FITUIFF, o rescaldo...

O Real Tunel Académico – Tuna Universitária de Viseu, foi a vencedora deste grande fim-de-semana na Figueira da Foz a pretexto do VI FITUIFF – Festival Internacional de da Universidade Internacional da Figueira da Foz organizado pela BRUNA, Tuna Académica da Universidade Internacional da Figueira da Foz.


O FITUIFF, teve o seu início no dia 6, Sexta-feira, no Teatro da Trindade de Buarcos, onde teve lugar a tradicional serenata. A noite de convívio de correu no Império Bar e Discoteca Bergantim, onde a animação foi uma constante. No Sábado, dia 7, a concentração das Tunas deu-se na zona do Picadeiro, ante-câmara para o festival de tunas, que decorreu no Salão Caffé do Casino Figueira, uma sala fantástica com um som e um ambiente muito acolhedor.

O espectáculo começou com a actuação extra-concurso da Imperial Neptuna Académica – Tuna da Cidade da Figueira da Foz. Foi uma actuação bastante animada e muito ritmada. Iniciaram em tos de blues, com o tema “Neptuna tem 10 anos” seguido de “Deus Mar” e “Louco Desejo”, um alinda serenata dedicada a todas as mulheres. Seguiu com o seu instrumental e terminou com “Mix Figueirense” com todo o auditório ao rubro.




A primeira tuna a concurso foi a Tuna de Medicina da Universidade de Coimbra. Iniciaram a sua actuação com uma música dedicada à cidade de Coimbra. Seguiram com um fado de Coimbra “Adeus” e “Cantar de Estudante”, onde se destacaram as suas pandeiretas. Prosseguiram com o seu instrumental “Às Vezes” e “Briosa” dedicado à Académica de Coimbra. Terminaram com “Balada”.


A segunda tuna a concurso veio da Madeira, a Estudantina Académica da Madeira. Foi um espectáculo muito coerente e animado. Iniciaram a sua actuação com “Funchal de Verde Manto” onde se destacou a performance do seu porta-estandarte, seguido de “Rosa Branca” e do seu instrumental, um tema judaico que significa celebração. Prosseguiram com uma serenata composta por Roberto Neves “Alma”, simplesmente lindo…ah rouxinol! Por fim tocaram o seu hino, “Marcha da Estudantina.



Seguiu-se a actuação do Real Tunel Académico –
Tuna Universitária de Viseu. Iniciaram a sua actuação com “Rua Escura 43” seguido de “Viseu Nobre Terra” onde, para além dos excelentes arranjos vocais e instrumentais, se destacou a prestação dos seus pandeiretas. Prosseguiu com o seu instrumental “Trilhos”, com um fantástico solo dos cavaquinhos, seguido da sua serenata, onde o destaque é sem dúvida para o seu solista. Para terminar tocou “Estudante de Viseu” e o seu “Hino Traçado”.



A terminar a ronda das tunas a concurso este a Estudantina Académica de Castelo Branco. Iniciou a sua actuação com “Variações Audicastrenses em Lá Menor” seguido de uma rapsódia de músicas beirãs onde de destacou as suas pandeiretas e porta estandartes. Prossegui com a sua serenata “Amanhecer” e o instrumental “Estranha História de Francesinha e Julieta”. Por fim tocou ”Estudante” e o seu hino, “É por Ti que eu canto”.



A apoteose da noite foi, como não podia deixar de se esperar, com a actuação da tuna da casa: a BRUNA, Tuna Académica da Universidade Internacional da Figueira da Foz, iniciando com o seu “Estrunfurika” seguido de “Navegantes”. Interpretou também numa bonita serenata “Maria” e uma marcha “Marcha da Trindade”. Prosseguiu com um hino à Figueira “Canção da Figueira” terminando com o seu hino “Bruna a Cantar”.



No fim o júri decidiu:

Melhor Serenata: Ex aquo-Tuna de Medicina de Coimbra e Estudantina da Madeira
Melhor Pandeireta: Tuna de Medicina de Coimbra
Melhor Porta Estandarte: Estudantina da Madeira
Melhor Tema Original: Estudantina da Madeira
Melhor Tema Instrumental:Real Tunel Académico de Viseu
Melhor Solista: Real Tunel Académico de Viseu

Tuna mais Tuna: Estudantina da Madeira

2ª Melhor Tuna: Estudantina da Madeira
Melhor Tuna: Real Tunel Académico de Viseu


Por fim resta agradecer a amabilidade do convite à Tuna Bruna e votos de parabéns pelo brilhante espectáculo. "Figueira, linda cidade" até um qualquer dia...

6 comentários:

Ricardo Felix disse...

Obrigado Carloina pela tua reportagem. Queira apenas acrescentar que a Estudantina da Madeira ainda apresentou mais um original intitulado "Estudantina Passa". Foi um grande festival com uma boa organização, um bom público e um grande convívio entre tunas amigas.

Anónimo disse...

Foi sem dúvida com um bom ambiente e uma boa organização que a Tuna Bruna recebeu e brindou o Real Tunel Académico - Tuna Universitária de Viseu e todos as suas congéneres.

Obrigado, desde já aos comentários postados pelos autores/ras deste blog sobre o Real Tunel Académico -Tuna Universitária de Viseu.

O trabalho continua, e o objectivo de chegarmos a quarentuna está prestes a ser alcançado.

Queremos continuar na senda da arte de bem tunar e são estes comentários que nos dão alento para continuarmos na longa caminhada que ainda queremos percorrer.

JModesto

Anónimo disse...

P.S.: apenas para complementar a informação prestada no post refira-se que a música de solista que o Real Tunel Académico - Tuna Universitária de Viseu apresentou no FITUIFF VI intitula-se "Serenata a um Anjo".

JModesto

Carolina Mendonça disse...

Olá

Foi com certeza um fantástico festival, e foi com muito gosto que nele estive presente.

Relativamente à Tunadão foi sem dúvida uma descoberta, nunca tinha visto nenhuma actuação, mas fiquei fã. Parabéns pelo fantástico trabalho, quer de vozes, arranjos ou até mesmo simplesmente de saber "ser" Tuna.

Votos de bom trabalho para todos e, que seja de a procurar pela "arte de bem tunar" uma constante de todos nós.

Bjk
Carolina

Anónimo disse...

Tunadão??? Presumo que te querias referir a outra tuna de Viseu.

Quem esteve na Figueira foi o Real Tunel Académico - Tuna Universitária de Viseu.

A TunaDão é também uma explendida tuna de Viseu, mas nesse fim-de-semana esteve no Porto, num festival o qual também venceu.

JModesto

Carolina Mendonça disse...

ohh...
Tens toda a razão, peço desculpa pelo lapso.